ALA 2 um novo começo

por | jan 25, 2017

No dia 18 de janeiro de 2017 presenciamos a desativação da Base Aérea de Anápolis e a ativação da ALA 2, conforme a reestruturação da administrativa e operacional da Força Aérea Brasileira. Com a presença do Ten Brig do Ar, Gerson Nogueira Machado de Oliveira, Comandante Geral de Operações Aéreas, o Major Brig do Ar, Rui Chagas Mesquita, Comandante do Sexto Comando Aéreo Regional, empossou no Comando da ALA 2, com as honras militares de estilo, o Cel Av  Francisco Bento Antunes Neto, atual Comandante da agora extinta BAAN.

A ALA 2 agora, junto tantas outras espalhadas pelo território nacional,  será uma organização operativa de nível tático, focada tanto nas atividades de preparo quanto nas ações de emprego da Força, mantendo a sua missão fim de manter a soberania do espaço aéreo nacional.

No início dos anos 70, o então Ministério da Aeronáutica decidiu sediar em Anápolis, as aeronaves supersônicas F-103 Mirage, operadas, à época, pela Primeira Ala de Defesa Aérea, onde trouxe para a Força Aérea, novos conceitos, onde em 1973, Anápolis foi palco do primeiro voo supersônico da América do Sul. Em 1979, a Primeira Ala de Defesa Aérea foi desativada dando início a Base Aérea de Anápolis. Neste período,as instalações foram sendo ampliadas, houveram momentos de euforia, entusiasmo e decepção. Chegadas de novas aeronaves e desativação, sem substitutos definidos. Agora, os ventos mudaram, com a chegada em breve dos F-39 Gripen.

Anápolis testemunhou a criação, o 2º/6º Grupo de Aviação, Esquadrão Guardião, responsável por uma dos mais importantes projetos de defesa de nosso espaço aéreo, que é o SIVAM. Viu a chegada do 3º GDAAE, Grupo de Defesa Antiaérea e agora, junto com a ativação da ALA 2, vê chegar às suas instalações do 1º/6º GAv, Esquadrão Carcará, oriundo da cidade de Recife-PE. São os novos e iniciais passos, renovando assim, o compromisso firmado em implantar uma estrutura diferenciada nesta região, que tornará, sem dúvidas, uma referência em termos de Poder Aéreo no Brasil e na América Latina.
Ao Cel Av Antunes e a todos que forma a ALA 2, muito sucesso…. Que venha o futuro!!!!!